terça-feira, 16 de dezembro de 2008

|Natal no Museu da Chapelaria|



Já estão abertas as inscrições para o Programa "Férias de Natal no Museu". Não perca tempo... inscreva os seus filhos até ao próximo dia 20 de Dezembro.

Enquanto prepara as rabanadas e aletria para um Santo natal passar com a sua família, deixe os seus filhos com os técnicos do Museu da Chapelaria entre o dia 23 e 2 de Janeiro, das 14h30 às 17h30.
Pode contactar o Serviço Educativo do museu para mais informações pelo telefone 256 201 680.

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Workshop de Feltro no Museu da Chapelaria



O museu da chapelaria organiza no próximo dia 29 de Novembro, das 10h às 19h, um workshop de iniciação à feltragem em água e sabão, durante o qual os formandos vão aprender a fazer um chapéu.


O workshop tem um custo de 30€.


Para proceder à inscrição deverá enviar um mail para
museu.chapelaria@gmail.com até ao próximo dia 27 de Novembro (pagamento até 29 de Novembro).

Para mais informações contacte o serviço educativo do museu da chapelaria pelo telefone 256 201 680.

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Actividades no Museu de Santa Maria de Lamas



Nesta fase da sua reorganização museográfica, o Museu de Santa Maria de Lamas (MSML) procura ir ao encontro do público, proporcionando-lhe através de novas experiências um contacto directo e referenciado com o seu espólio.


De 22 a 26 de Setembro, é proposto às crianças o percurso temático "Turistas de palmo e meio", através do qual serão exploradas diversas regiões do país com base nas colecções do Museu.


De 29 de Setembro a 3 de Outubro, semana em que se celebra o Dia Mundial da Música (1 de Outubro), o MSML promove a actividade "A Voz dos Instrumentos". Nesta será apresentada a aventura musical "Pedro e o Lobo", de Prokofiev, acompanhada por um teatro de sombras, cadernos pedagógicos e uma Oficina de Instrumentos Musicais, na qual as crianças construirão instrumentos a partir de materiais recicláveis.


Informações e inscrições: Serviço Educativo do Museu (telemóvel 91 664 76 85) ou geral@museudelamas.pt

Curso de Verão da APOM no Museu da Chapelaria

No ano em que comemora o seu 43º aniversário, a Associação Portuguesa de Museologia (APOM) escolheu o Museu da Chapelaria, em S. João da Madeira, para realizar o III Curso de Verão.
A acção de formação, inaugurada na passada segunda-feira, 8, decorreu até ao dia 12. Na sessão de abertura, João Neto, director do Museu da Farmácia e presidente da APOM, chamou a atenção para o tempo que a sociedade actual dedica aos museus.
O primeiro dia do curso foi composto por dois painéis: Introdução à Museologia, por António Nabais e Sofia Antunes; e Programação e Dinamização Museológica, por Aida Rechena.
No dia seguinte, os formandos assistiram a um painel sobre Gestão Museológica, por António Ponte, e, durante a tarde, visitaram o Museu Marítimo de Ílhavo e o Museu da Vista Alegre.
O terceiro dia da formação, António Viana e Vítor Vajão falaram sobre Exposição e Projecto Expositivo. A tarde foi preenchida com uma visita ao Museu do Papel em Terras de Santa Maria e ao Museu de Santa Maria de Lamas.
Na quinta-feira, o primeiro painel, trazido por Helena Antunes, falou sobre Conservação e Restauro e o segundo, por Pedro Inácio, sobre Tipologias de Museus. O Museu Municipal de Vale de Cambra e a Casa Museu Egas Moniz, em Estarreja, foram os locais escolhidos para as visitas realizadas durante a tarde.
No último dia do curso, Dália Paulo e Suzana Menezes falam sobre Acção Cultural. Nesse dia, a visita foi ao Museu da Chapelaria.
Abaixo apresento-vos as 2 das apresentações do curso.

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

1º ENCONTRO NACIONAL DE ILUSTRAÇÃO NO FEMININO


Integrado nas comemorações do 82º aniversário da criação do concelho de S. João da Madeira, que terá lugar no dia 11 de Outubro, a Junta de Freguesia irá organizar nos dias 2, 3 e 4 de Outubro de 2008 o 1º Encontro Nacional de Ilustração no Feminino.

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

O Rodas - Pela segurança das crianças


Levar as crianças à escola com a garantia da máxima segurança. Este é o objectivo do “Rodas”, um projecto na área do transporte escolar.
O investimento foi pensado por Joaquim Gonçalves e rapidamente acarinhado pela autarquia, Junta de Freguesia e PSP (Escola Segura). Com sede na Avenida do Brasil, esta “limousine das crianças” dá aos pais o descanso necessário no que toca ao transporte dos seus filhos a todos os locais necessários, ou seja, escola, ATL, Actividades Extracurriculares, casa, entre outros.
As instalações foram inauguradas esta sexta-feira, dia cinco, e contaram com a presença de várias famílias sanjoanenses.
O passo seguinte, é meter mãos à obra para que a limousine chegue a várias escolas e inclusive a outros concelhos.

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Cursos na Área da Conservação e Restauro

O Instituto Ibérico do Património vai realizar no mês de Setembro três cursos na área da conservação e restauro.

1-Conservação Preventiva
Dias: 20, 27 de Setembro e 4 de Outubro (Sábados)
Horário:10h às 18h
Formador: Nuno Moreira

2-Conservação e Restauro de Cerâmica Arqueológica
Dia: 13 de Setembro (Sábado)
Horário:10h às 19h
Formadora: Inês Feliciano

3-Conservação e Restauro de Documentos Gráficos
Dias:16,18,23,25 e 30 de Setembro (Terças e Quintas-feiras)
Horário:14h às 18h
Formadora: Inês Correia

Os cursos vão ser realizados na Escola Superior de Tecnolgias e Artes de Lisboa (ESTAL), que fica perto da Assembleia da República. O plano do cada curso, bem como a ficha de inscrição, encontram-se disponíveis no site: www.iipatrimonio.org , na secção FORMAÇÃO.

Para mais informações:
Gabinete de Comunicação Instituto Ibérico do Património
Contacto: tel-210967349 tlm- 911989127
E-mail:geral@iipatrimonio.org
Morada: Rua das Fontainhas, 51 - sala 2.28 -
Parque Industrial da Venda Nova -
2700-391 - Amadora

I Jornadas do Património - Ferreira do Alentejo


21 Outubro 2008


9.30 - Recepção dos Participantes

10.00 - Sessão de Abertura

Presidente da Câmara Municipal de Ferreira do Alentejo


Tema Arqueologia


1ª Sessão

10.20 - O Povoado Calcolítico de Porto Torrão (Ferreira do Alentejo) - Identificação e primeiras investigações - Dr. José Morais Arnaud (Associação dos Arqueólogos Portugueses)

10.40 - O Porto Torrão como recinto de fossos: problemáticas decorrentes da intervenção de 2002 - Doutor António Valera (ERA, Arqueologia)


11.00 - coffee break


2ª Sessão

11.20 - Pax Iulia e o seu Território; organização e funcionamento - Prof.ª Doutora Maria da Conceição Lopes (Instituto de Arqueologia da Universidade de Coimbra)

11.40 - Villa do Monte da Chaminé - seu enquadramento no Baixo Império - Dr. Clementino Amaro (Arqueólogo)

12.00 - Villa do Monte da Chaminé - Cerâmicas Finas de Mesa e vidros - Dr. Eurico Sepúlveda (Associação Cultural de Cascais)

12.20 - Villa do Monte da Chaminé - Inumação medieval de um peregrino de Santiago - Dr. Fernando Faria e Dr.ª Catarina Costa (Laboratório de Antropologia Biológica da U. Évora)

12.40 - Debate


13.00 - 14.30 - Almoço Livre


3ª Sessão

14.30 - Leituras Paleográficas - Júlio de Vilhena - Dr.ª Maria João Pina (Museu Municipal de Ferreira do Alentejo)

15.00 - Lançamento dos Volumes III e IV das Leituras Paleográficas

15.20 - Vidigueira de Honra

15.30 - 19.00 - Visitas guiadas ao Museu Municipal de Ferreira do Alentejo


22 Outubro 2008


Tema Património Artístico e Etnográfico


4ª Sessão

10.00 - A Recuperação e Estudo do Retábulo de Ferreira do Alentejo - Dr. José Mendes (Conservador-Restaurador)

10.20 - António Nogueira e o Retábulo de Ferreira do Alentejo - Dr. Joaquim Caetano (Museu de Évora)


10.40 - Coffee Break


5ª Sessão

11.00 - Poejos e outras ervas - Professor Doutor Galopim de Carvalho (Professor Jubilado da Faculdade de Ciências da Uni. Lisboa)

11.20 - Cante Alentejano em Ferreira do Alentejo Dr. António Menezes (Realizador)Projecção do filme "O Cante é como eu"

12.10 - Debate

12.30 - Sessão de encerramento das conferências


12.40 - almoço livre


14.30 - 17.00 - Visitas guiadas a locais de interesse do Concelho de Ferreira do Alentejo

17.15 - Herdade do Pinheiro: Prova de Sabores (ponto de encontro Mercado Municipal)



Contacto:

MUSEU MUNICIPAL DE FERREIRA DO ALENTEJO

Rua Conselheiro Júlio de Vilhena, n.º 5

7900-599 Ferreira do Alentejo

Telefone: 284 738 860

Fax: 284 739 250

FORUM_08 cltura e criatividade


Âgencia Inova está a organizar o Forum Cultura e Criatividade nos dias 19 a 23 de Novembro na Exponor.

Dá vontade de dar uma espreitadela!


segunda-feira, 21 de julho de 2008

Cister Saberes e Sabores 2008 em Arouca


A Associação Cultural Teia dos Sentidos colabora activamente na organização da IV Edição do evento "Cister Saberes e Sabores" promovido pela Associação Anima Património no valioso e emblemático monumento que é o Mosteiro de Santa Maria de Arouca, na (re)descoberta das iguarias e dos conhecimentos legados pela Ordem de Cister.

Regendo-se pela regra de S. Bento, estilo de vida simples harmonizada pela oração e trabalho, Cister é testemunho vivo do espírito dinâmico dos monges e monjas que trabalhando a terra onde se instalaram, moldaram as regiões à sua imagem. Baluartes de cultura, os Mosteiros Cistercienses são ainda força motriz de desenvolvimento.


“Cister Saberes e Sabores 2008” visa a promoção turística e a divulgação do património local, nacional e internacional relativo à Ordem de Cister e pretende ser um pólo de intercâmbio, experiências e partilha de conhecimentos, promovendo cultura e identidade.

Durante os dias, 25, 26 e 27 de Julho, Arouca será ponto de encontro nacional e internacional, da importante herança patrimonial de uma ordem religiosa que marcou a história e a evolução deste concelho, do país e de todos os de tradição Cisterciense.

Nesta aposta cultural, patrimonial e turística, os Saberes de Cister traduzem-se em debates, exposições temáticas, visitas guiadas, intervenções de comunidades religiosas e concertos musicais, enquanto que os Sabores surgem sob a forma de mostras, fabrico e venda de doçaria, licores, ervas medicinais e vinhos.

Memorizar a Identidade, valorizar o presente, perspectivar o futuro, uma estratégia de dignificação e desenvolvimento.



Para qualquer informação adicional, contactar: Anima Património – Manuel Bastos, Elvira Pinto: 964609084 919501309 918136874

III Curso de Verão da APOM

LOCAL: Museu da Chapelaria
S. João da Madeira

De 8 a 12 de Setembro de 2008

No ano em que se comemora o 43º Aniversário da Associação Portuguesa de Museologia (1965-2008), a Direcção da APOM e a Câmara Municipal de S. João da Madeira decidiram promover, no Museu da Chapelaria, o III Curso de Verão APOM 2008, conferindo uma ênfase particular aos projectos e experiências de Musealização do distrito de Aveiro.
Deste modo, neste curso serão apresentadas sessões teóricas e práticas por profissionais de Museus, abordando as seguintes temáticas:

Introdução à Museologia;
Programação e Dinamização Museológica;
Gestão Museológica;
Exposição -Projectos Expositivos;
Conservação e Restauro;
Acção Cultural;
Tipologias de Museus;

Para além do programa científico e do programa social, o Curso de Verão contará igualmente com um programa de visitas guiadas aos vários museus e centros de interpretação localizados na região de Aveiro.
Museu da Chapelaria APOM
Sónia Lourenço - Secretariado
Rua Oliveira Júnior, 501 Praça B à Trav. Sarg. Abílio Lt.C1 Lj 1A
Telf: 256 201 680 1500-567 Lisboa
Fax: 256 201 689 Telf: 217780687 / Fax: 217780642
e-mail:
museu.chapelaria@gmail.com e-mail: apom65@gmail.com
PROGRAMA PROVISÓRIO


Dia 8 de Setembro

09h30 horas: Sessão de Abertura – Vice-Presidente da CM S. João Madeira e Presidente da APOM
10h00 horas: Painel I- Introdução à Museologia – António Nabais e Sofia Antunes
13h00 horas: Almoço
14h30 horas: Painel II - Programação e Dinamização Museológica – Aida Rechena e Maria José Santos
17h30 horas: Final dos Trabalhos

Dia 9 de Setembro

10h00 horas: Painel III- Gestão Museológica –Cristina Gonçalves e Teresa Pais
13h00 horas: Almoço
14h30 horas: Visita ao Museu Marítimo de Ílhavo e Museu da Vista Alegre
17h30 horas: Final dos Trabalhos

Dia 10 de Setembro

10h00 horas: Painel IV - Exposição e Projecto Expositivo – António Viana e Vítor Vajão
13h00 horas: Almoço
14h30 horas: Visita ao Museu de Cortiça (Amorim?) e Museu do Papel Terras de Santa Maria
17h30 horas: Final dos Trabalhos

Dia 11 de Setembro

10h00 horas: Painel V – Introdução à Conservação e Restauro - Helena Nunes
11h30 horas: Painel VI – Tipologias de Museus – Amélia Ferraz e Pedro Inácio
13h00 horas: Almoço
14h30 horas: Visita ao Museu Municipal de Vale de Cambra e Casa Museu Egas Moniz, Estarreja
17h30 horas: Final dos Trabalhos

Dia 12 de Setembro

10h00 horas: Painel VII – Acção Cultural - Dália Paulo e Suzana Menezes
13h00 horas: Almoço
14h30 horas: Visita ao Museu de Chapelaria, S. João da Madeira
17h30 horas: Final dos Trabalhos

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Festival dedicado ao chapéu em S. João da Madeira



Mais uma vez comprova-se que se pode associar a cultura às novas formas de dinamização de espaços. Nesta situação a Associação S. João da Madeira.com e a Câmara Municipal de S. João da Madeira, juntos organizaram o I Festival dedicado ao chapéu. Uma boa forma de manter viva a memória deste artefacto.

Nos dias 27, 28 e 29 de Junho esta cidade acolheu o “HAT WEEKEND” – Fim-de-semana com chapéu. Foi um festival de animação do espaço urbano, cujo tema central era o chapéu.

A organização deste evento teve a cargo da Associação “S. João da Madeira.com”, com o apoio da Câmara Municipal através do Museu da Chapelaria. Para a implementação deste projecto, envolveram-se várias casas comerciais e instituições sanjoanenses.

O objectivo deste evento foi de pôr em evidência aspectos relevantes da história do concelho, criando condições para a promoção de um ambiente de dinamismo e de valorização dos saberes e valências locais, nomeadamente do comércio local.

O “Hat Weekend” iniciou-se no dia 27 de Junho, na Praça Luís Ribeiro, com a inauguração das “barraquinhas” do chapéu. As noites quentes deste fim-se-semana foram servidas de grandes espectáculos, divertidas actuações de tunas académicas e animações de rua impressionantes.
Nos restaurantes aderentes decorreu o Festival de Gastronomia, com pratos especialmente produzidos para o evento com base na carne de coelho, já que, para quem não sabe, o chapéu de feltro pode ser feito com pêlo de coelho.

No Sábado à tarde, 28 de Junho, com início no Museu da Chapelaria, decorreu um desfile de bandas e fanfarras em direcção à Praça Luís Ribeiro, e actuações nocturnas.

No Domingo, 29 de Junho, voltou haver animação de rua durante a manhã. À tarde, a cidade encheu-se de negro com as capas das tunas convidadas que actuaram em diversos espaços.

O programa encerrou ao fim da tarde com um espectáculo que surpreendeu tudo e todos.

Desta vez a cidade de S. João da Madeira fez parar o tempo e relembrou a todos o quanto o chapéu foi importante para a ela.

terça-feira, 17 de junho de 2008

1º Ciclo de Curtas-Metragens de S. João da Madeira


A associação Cultural Teia dos Sentidos está a organizar o I Ciclo de Curtas-Metragens de S. João da Madeira, que irá decorrer entre os dias 15 e 17 de Julho.

A Associação pretende uma participação diversificada. Não se trata de um concurso ou festival, apenas de uma mostra de curtas, que visa estimular o gosto pela sétima arte e incentivar jovens talentos dando a oportunidade de apresentarem os seus trabalhos!

Os interessados em participar devem enviar um email (teiadossentidos.geral@gmail.com), enviando uma sinopse da curta assim como uma breve biografia do(s) autor(es) do filme.
A curta-metragem deve ser depois enviada até ao dia 27 de Junho.

Para mais informações pode consultar:

segunda-feira, 16 de junho de 2008

Cursos de formação e Conservação e Restauro



Cursos de Formação IIP

Inscrições Abertas

Conservação Preventiva

Duração: 18 horas·

Sábados – 10h às 18h


Conservação e Restauro de Cerâmica Arqueológica·

Duração: 8 horas·

Sábado – 10h às 19h


Conservação e Restauro de Documentos Gráficos·

Duração: 20 horas·

Terças e Quintas -feiras – 14h às 18h


Inscrições em: www.iipatrimonio.org

Os cursos de formação têm lugar na Escola Superior de Tecnologias e Artes de Lisboa (ESTAL).

Mais informações:

Tel. 210967349



Morada: Rua das Fontaínhas, 51

sala 2.28

2700-391 Amadora

Férias de Verão no Museu da Chapelaria em S. João da Madeira


Estão abertas as inscrições, até ao próximo dia 25 de Junho, para o Programa "Férias de Verão no Museu". As actividades de Verão vão decorrer entre 1 de Julho e 11 de Julho, das 14h30 às 17h30.
Para mais informações, contacte o Serviço Educativo do Museu pelo telefone 256 201 680 ou solicite a ficha de inscrição pelo seguinte e-mail museu.chapelaria@gmail.com.

Oficinas no Museu de Santa Maria de Lamas



terça-feira, 3 de junho de 2008

Um Chapéu por um sorriso...

O Museu da Chapelaria está a organizar um jantar de beneficência que decorrerá no dia 27 de Junho às 21h00.
Durante o jantar realizar-se-á o leilão dos chapéus criados por diversos estilistas portugueses no âmbito do projecto UM CHAPÉU POR UM SORRISO.
Organizado em parceira com diversas empresas e instituições, este projecto visa a angariação de fundos para a Fundação do Gil, contando para isso com a participação de estilistas portugueses que de imediato se prontificaram a conceber chapéus para o leilão.
Assim, quem sempre sonhou em usar um chapéu, modelo único e desenhado por um estilista português de renome, basta ligar para o Museu da Chapelaria para efectuar a sua pré-reserva para o jantar de gala e participar no leilão até ao próximo dia 18 de Junho.
Para mais informações contactar o Museu da Chapelaria.
Reservas até ao dia 25 de Junho
tel. 256 201 680

sábado, 24 de maio de 2008

Programa de Rádio

O IGESPAR, em parceria com a TSF, apresenta aos Sábados, entre as 12.00h e as 13.00h, uma série de programas dedicados a vários temas do património, onde se fala de sítios com história, de paisagens e pessoas, o passado e o presente, sensiblizando, em simultâneo, o público para a diversidade do património e para a importância da sua salvaguarda.
Programação
Próximo Programa
24 de Maio - Tema - "As barragens, um património escondido. Picote"A electricidade é um bem indissociável do quotidiano de hoje, sendo a Lei de Electrificação Nacional apenas de Dezembro de 1944. As barragens são evidências materiais ímpares para a compreensão do fenómeno da electrificação. As barragens do Douro Internacional, construídas entre os anos 50 e 60, nomeadamente a de Picote, representam em simultâneo uma apropriação e integração na paisagem natural, a colaboração entre engenheiros e arquitectos, o rasgar de um urbanismo onde se construiu um segundo moderno em Portugal, constituindo um património técnico e moderno excepcional.O jornalista Manuel Vilas - Boas conversa com os arquitectos João Archer de Carvalho, Nunes de Almeida, Alexandre Alves Costa, Fátima Fernandes; Michele Cannatá, o Eng.º Hélder Carvalho (EDP) e o Eng.º Francisco Nogueira
Programas a emitir
31 de Maio - Tema - "Óbidos, um outro tempo"
7 de Junho - Tema - "Castelo Velho de Freixo de Numão. Um marco defensivo no território"
Programas emitidos
10 de Novembro - Tema - "Cafés com História"
17 de Novembro - Tema - "Aprender com os monumentos"
24 de Novembro - Tema - "Aldeias Históricas: Marialva e Idanha-a-Velha"
1 de Dezembro - Tema - "Segredos do Património Megalítico"
8 de Dezembro - Tema - "Um mosteiro resgatado das águas do Mondego - Stª Clara-a-Velha, Coimbra"
15 de Dezembro - Tema - "Marcos de luz na costa portuguesa - os faróis"
12 de Janeiro - Tema - "Tibães, o renascer de um Mosteiro"
19 de Janeiro - Tema - "Pedras com Arte. As gravuras do Côa"
26 de Janeiro - Tema - "À descoberta do Património Moderno"
2 de Fevereiro - Tema - "Património Mineiro. Uma paisagem singular"
9 de Fevereiro - Tema - "Jardins Públicos. A natureza na cidade"
16 de Fevereiro - Tema - "Mosteiro de Alcobaça. Espaços de vida cisterciense I"
23 de Fevereiro - Tema - "Mosteiro de Alcobaça. Espaços de vida cisterciense II"
1 de Março - Tema - "Património Subaquático. Um mergulho na história"
8 de Março - Tema - "Elevadores. Percursos na cidade"
15 de Março - Tema - "O Douro. Uma paisagem cultural"
29 de Março - Tema - "Convento de cristo. O restauro da Charola"
5 de Abril - Tema - "Os sons de Mafra. Os órgãos e os carrilhões do Palácio"
12 de Abril - Tema - "Património religioso e espaços sagrados"
19 de Abril - Tema - "Um museu dos museus. O Museu Geológico"
26 de Abril - Tema - "Os recantos de uma quinta de recreio"
3 de Maio - Tema - "À descoberta do Mosteiro da Batalha I"
10 de Maio - Tema - "À descoberta do Mosteiro da Batalha II"
Resumos dos Programas emitidos em Programa HTML ( em baixo)

Projectos Educativos - Catavento

Cada vez mais, existem grupos de pessoas/amigos que se juntam e organizam ou implementam uma empresa educativa como é o caso do projecto CATAVENTO, desenvolvido por Carla Borges, Ana Serrão e Isabel Rodrigues.
Quem sabe... talvez a minha esteja para breve!!!!


O que é o CATAVENTO?
Este é um projecto de complemento às actividades curriculares desenvolvidas no âmbito escolar, que através da realização de ateliers lúdico-pedagógicos adequados a diferentes faixas etárias, permitem a interacção efectiva com novas vivências, o despertar da curiosidade e do interesse pelo mundo que nos rodeia, abrangendo diversas áreas como expressão corporal, artes plásticas, arquitectura, natureza e ciência.

Quais as finalidades?
Os ateliers como espaços formativos com significado podem-se constituir como estímulos para a autonomia, liberdade de expressão e comunicação; para o desenvolvimento da criatividade e sensibilidade estética e artística; para o alargamento da percepção do mundo; para o desenvolvimento global e das competências de relacionamento social e pessoal; para a promoção da consciência ecológica e do papel de cada indivíduo como membro de uma sociedade.

Quais as vantagens?
• a possibilidade de integrar os conteúdos e aprendizagens desenvolvidos no espaço escolar de forma activa, significativa e integrada;
• o fornecimento de todo o material e equipamento utilizados;
• o desenvolvimento das actividades na escola, colmatando algumas dificuldades e custos associadas à responsabilização e transporte das crianças.
A quem se dirige?
A Jardins-de-infância, Escolas do 1º Ciclo, Atl´s e outros grupos interessados, com crianças entre os 3 e os 10 anos de idade.

Onde?
Prevê-se a realização dos ateliers nas vossas instalações ou num local a combinar, com a deslocação de uma equipa de monitores.

sábado, 17 de maio de 2008

Museu da Chapelaria - Chapéus de Ascot


Domingo comemora-se o Dia Internacional dos Museus e o Museu da Chapelaria vai inaugurar, pelas 16h00 a exposição internacional "OS CHAPÉUS DE ASCOT".

Na inauguração estará presente o designer inglês David Shilling, autor dos chapéus que estarão em exposição e designers nacionais.

domingo, 11 de maio de 2008

TEIA DOS SENTIDOS

Teia dos Sentidos nasceu da vontade de um grupo de pessoas amantes e não amadores da arte.



“É uma associação que não conhece idades, raças, etnias ou religião, em que as diferenças são tidas como factor de enriquecimento e diversidade. Uma associação que olha a ARTE como o diálogo entre o Homem e o Sonho, entre o Terreno e o Espiritual, que estabelece pontes e destrói muros.



Da região para todo o mundo, TEIA dos SENTIDOS é uma associação cultural do Entre Douro e Vouga (EDV) que não se esgota nos limites geográficos da região. Sem fronteiras físicas ou virtuais, debate-se pela promoção e divulgação dos talentos e iniciativas regionais de carácter artístico a uma escala global.”



Poesia, fotografia, contos, ilustração, BD, cinema, música, pintura, escultura, artes gráficas, design, decoração, multimédia, literatura, teatro entre muitas outras artes que possam surgir, a Teia é sem dúvida um ponto de refúgio para todos aqueles que desejam ver a semente da sua flor brotar da ponta do ranco de uma árvore para atingir o azul do céu!

Somos uma TEIA
Cada fio do meu plexo tacteia na tua pele
de macios odores nocturnos.

Bebe o cian, o magenta e o amarelo
da minha paleta de côncavos ventres,
descobre-me o útero ofegante,
mergulhado na liquidez da tua boca frutada,
na rugosidade da tua língua.

Somos uma TEIA…
de infindáveis braços invisíveis,
mas existimos.
Somos feitos de Arte,
alimento da alma,
seiva que corre nas entranhas,
condição para tu.. e tu… e tu…
E eu e os meus outros eus sobreviverem
nesta carne perecível,
presa à circunstância de apenas existir,
à dura rotina do quotidiano,
amarelecido nos rostos das sombras,
presa às grades de cimento
que cortam o sol em quarto minguante,
apodrecendo os ossos que ainda te seguram de pé.

Somos uma TEIA…
Dos nossos casulos escorrem
palavras, sons, movimentos, imagens…
Massa indizível
Que segrega os múltiplos sentidos
Que compõem o teu corpo… e o meu
e o meu
e o teu
e os meus
e os teus
e os nossos.

Somos TEIA DOS SENTIDOS, COM SENTIDO

Somos clave de sol em pauta de luz,
dó quente ou si glacial.
E caminhamos num campo de papoilas,
perfumado de violeta, verde e azul
de onde brotam tulipas de água,
Fotografias de palavras…

Salomé Pinto

Aqui ficam algumas fotografias da apresentação oficial da TEIA.


(fotografias de Filomena Tavares)


Newsletter do Museu da Chapelaria em S. João da Madeira

(clique na imagem para aceder à newsletter do Museu da Chapelaria atravéz do RapidShare e ficar a conhecer o variadíssimo leque de actividades previstas para este mês)
O Dia Internacional dos Museus comemora-se no dia 18 de Maio de cada ano. Sendo uma data importante para toda a comunidade museológica, os diversos espaços culturais organizam eventos diferentes para este dia.
É neste contexto que o Museu da Chapelaria, tem previsto ara o 18 de Maio a inauguração de uma exposição intitulada "Os chapéus de Ascot".
Esta exposição é composta por alguns dos modelos de chapéus usados pela Sr. Gertrude Shillind no âmbito das famosas corridas de cavalos de Inglaterra.
A inauguração terá lugar no próximo domingo às 18h00 e contará com a presença do designer inglês, David Shilling.

quinta-feira, 8 de maio de 2008

Sintra quer ser “património de Humanidade” para pessoas com deficiência

Secretários de Estado da Reabilitação e das Comunidades marcaram presença na abertura oficial do I Encontro de Pessoas com Deficiência das Comunidades Portuguesas, em Sintra. José Bourdain, presidente da Cercitop, reivindicou aplicação concelhia do programa PARES em função no número de habitantes.
Fernando Seara, autarca de Sintra, manifestou o desejo de tornar o município “um património de humanidade para todos”.

“Os Livros de Próspero”

O Teatro Municipal da Guarda (TMG) e o Cineclube da cidade mais alta apresentam, hoje, “Os Livros de Próspero”, em mais uma sessão de cinema conjunta. O filme de Peter Greenaway passa no Pequeno Auditório, às 21h30. Inspira-se em “A Tempestade”, de William Shakespeare.
Para o público infantil, o TMG propõe “Os Duendes do Lago”, espectáculo que o TMG tem em cena até dia 28.
“Uma história divertida com personagens e situações inesperadas que têm por base o ciclo da água e os valores ambientais. Uma viagem ao mundo da fantasia e da imaginação, num espectáculo didáctico repleto de animação, música, sons e imagens”, segundo o Teatro Municipal.
O texto pertence a António Godinho e tem encenação de Élia Fernandes, interpretação de Inês Mexia, música original de Victor Afonso, vídeo de Meca (RM 21) e voz off de Américo Rodrigues.O espectáculo está integrado no Projecto Aqua Criativa do Serviço Educativo, patrocinado pela Águas do Zêzere e Côa, e que decorre durante todo o ano lectivo no Teatro Municipal da cidade mais alta. Engloba sessões de teatro, música e oficinas, e tem como tema central a água.
“Os Duendes do Lago” tem duas sessões diárias: às 10h00 e às 14h30.

O Oriente em Lisboa

O novo Museu do Oriente, através do Serviço Educativo, organiza oficinas e workshops temáticos...em Maio, Ikebana!

O Museu do Oriente, apresenta um Programa de Actividades diferenciado, abrangente e dinâmico, no qual se destacam ciclos de cinema, música, dança, teatro, workshops, conferências e debates, para além das exposições permanente e temporárias.

Nos Dias 9, 10 e 11 de Maio, na Sala Díli do piso 4 do novo Museu, tem lugar um curioso workshop de arranjos florais japoneses, em colaboração com o Ikebana International.

Ikebana (em japonês "flores vivas") é a arte japonesa dos arranjos florais. A estrutura de um arranjo floral japonês está baseada em três conceitos básicos que simbolizam o céu, a terra e o homem.

Nesta oficina, oito professoras da Ikebana International ensinam os princípios básicos desta técnica ancestral. Venha descobrir...

domingo, 13 de abril de 2008

Acções de Formação no Museu do Abade Baçal

- Percurso pela Cultura transmontana através do acervo do Museu do Abade Baçal (MAB)
- Importância Didáctica dos Museus.
- Metodologias de Abordagem da Cultura Transmontana.
Público-alvo: Professores e estagiários de todos os níveis de ensino.
Realização no Museu: 20 pessoas.
Realização na escola: nº de acordo com a capacidade do espaço disponível na instituição.
Calendarização: Ano lectivo.
Data a agendar em coordenação com a disponibilidade das escolas e o MAB. Os técnicos do MAB deslocar-se-ão às escolas.Telefone: 273 33 15 95

Serviço Educativo na Casa-Museu Dr Anastácio Gonçalves

Estórias Contadas – gratuito
Destinatários: grupos do Pré-Escolar e 1º ciclo do Ensino Básico
Das lendas mouras do Sul de Portugal às histórias das “1001 noites”, vamos ouvir e, com os pés no chão, soltar a imaginação…
Influências árabes na Língua Portuguesa – gratuito
Destinatários: grupos do 1º e 2º ciclos do Ensino Básico
Vamos cruzar palavras em jogo, vamos descobrir cruzamentos de culturas que fizeram a história da nossa Língua dos séculos VIII a XIII Para começar, alguém viu por aí palavras começadas por AL?
Vamos pintar… pasta de modelar - €1 criança
Destinatários: grupos de Pré-Escolar Oficina de pintura de elementos decorativos, presentes em peças expostas ou importantes para o Islão, recortados previamente em pasta de modelar Na quadra natalícia faremos estrelas de 6 pontas para decorar a árvore de Natal.
Atenção à Decoração! - gratuito
Destinatários: grupos do 1º ciclo do Ensino Básico Vamos encaixar elementos decorativos dos pratos turcos nos respectivos contornos. Neste jogo os “pratos” são gigantes mas nem tudo é fácil!
Inscrições/informações: 213 540 823 ou cmag.se@ipmuseus.ptDatas a definir com as escolas, entre 20 de Outubro e 2 de Março. Incluem visita à exposição "Olhares Cruzados sobre Arte e Islão"

Visitas guiadas no Museu de Aveiro

História e vida no Convento de Jesus
(Do ensino Pré – escolar ao Ensino Secundário)
Visita que explora o espaço do Convento de Jesus relacionando-o com as regras e quotidiano conventuais. Destaque para o papel social, cultural e económico dos conventos na sociedade medieval e moderna.
Uma Princesa no Convento
(ensino pré – escolar e 1º e 2ºciclos do ensino básico)
Visita que explora a personagem da Princesa Santa Joana, realçando a sua relação com o Convento de Jesus e com a população da Vila de Aveiro.
O esplendor do barroco
(do 2º ciclo ao ensino universitário).
Visita que procura sensibilizar os alunos para a história das mentalidades, arte e cultura da época barroca. Nesta visita, agora de circuito reduzido pode ser pedido o circuito complementar à Igreja barroca das Carmelitas.
Igreja das Carmelitas
(todos os públicos)
Visita ao espaço da Igreja explorando a história deste Convento feminino e a sua relação com o antigo Convento de Jesus. A igreja como exemplar da arquitectura e arte barrocas.
Igrejas forradas a ouro
(Todos os públicos)
Visita que se divide entre a Igreja de Jesus e a Igreja das Carmelitas explorando a história e elos de ligação entre ambas as casas conventuais (dominicana e carmelita) bem como as características e semelhanças artísticas que apresentam.
Estas visitas estão sujeitas a marcação prévia no Museu para a Drª Mª João Mota.

Concurso “A Minha Escola Adopta Um Museu”

A Direcção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular (DGIDC) e o Instituto dos Museus e da Conservação promovem o concurso “A Minha Escola Adopta Um Museu” com o objectivo de estimular o conhecimento da realidade museológica nacional, através do contacto das escolas com museus, e de sensibilizar os alunos para a conservação, a protecção e a valorização do património cultural.
Dirigido a alunos dos ensinos básico e secundário, este concurso consiste na elaboração de trabalhos criativos a partir de testemunhos dos acervos dos museus.

De acordo com o regulamento do concurso para este ano lectivo, os trabalhos serão aceites até ao dia 30 de Maio de 2008.


Aos vencedores das várias categorias serão atribuídos os seguintes prémios:
- Prémio Grupo (destina-se a cada elemento do grupo): Livre-trânsito familiar nos museus do Instituto dos Museus e da Conservação (IMC) por dois anos; um vale de compras nas lojas dos museus do IMC no valor de 20 euros e material didáctico;
- Prémio Professor: Livre-trânsito familiar nos museus do IMC por dois anos e livros;
- Prémio Escola: Livros de arte e material didáctico.

Os resultados serão anunciados nas páginas electrónicas da DGIDC e do IPM .
Para mais informações, consultar o
regulamento do concurso disponível na página da DGIDC .

sexta-feira, 11 de abril de 2008

Acabou de ser inaugurado...

...o Museu do Jornalismo nos EUA (Newseum)
O novo Museu do Jornalismo, o espaço, é composto por 15 teatros, 14 grandes galerias, centros de conferência, dois estúdios de televisão, apartamentos e um restaurante.
O Newseum original funcionou entre 1997 e 2002 em Arlington, no estado da Virgínia, mas os responsáveis pelo projecto, decidiram transferi-lo para um espaço maior. O novo edifício está situado na capital norte-americana, Washington.
O museu possui quiosques interactivos, nos quais os visitantes podem vestir a pele de fotógrafos, jornalistas ou editores. Um dos teatros vai ter filmes a três dimensões com efeitos especiais, que incluem cadeiras que se movem, relatando eventos dos últimos 150 anos.

No site podemos ainda encontrar jogos interactivos.

Novo museu... Museu do Oriente


O Museu do Oriente inaugura no dia 8 de Maio e está instalado num grande edifício na Doca de Alcântara. São sete pisos e uma área de 15.500 metros quadrados, onde convivem três espaços distintos de exposição. O museu promete uma programação vasta e variada.

O Museu do Oriente vai ter espectáculos de música, teatro, dança, ciclos de cinema, workshops, conferências e debates. Para o espectáculo inaugural, dias 9, 10, 11 e 12 de Maio, o museu encomendou uma peça ao compositor e pianista Mário Laginha, que estará em palco com os músicos Ngyen Lê (Vietname), Prabou Edhouard (Índia) e Joji Hirota (Japão).

O museu foi assumido pela fundação como um desígnio, desde que esta foi criada há 20 anos, um espaço capaz de testemunhar as relações históricas entre Portugal e a Ásia. Por isso, uma das exposições permanentes mostra cronologicamente a presença portuguesa no Oriente.

Com a sua dezena de monitores do serviço educativo, o museu quer fazer um trabalho intenso junto das escolas: estão prontos para transformar os nomes das crianças em chinês ou para lhes pôr um chapéu de Xangai na cabeça.

TELEFONE 213585200

LOCAL Lisboa, Av. Brasília - Edifício Pedro Álvares Cabral - Doca de Alcântara Norte

OBSERVAÇÕES Inaugura dia 8 de Maio. Dispõe de colecções que têm o Oriente como temática principal nas vertentes histórica, religiosa, antropológica e artística e exibe núcleos de arte chinesa, indo-portuguesa, japonesa e timorense. O museu apresenta um programa diferenciado (ciclos de cinema, música, dança, teatro, workshops, conferências, debates, exposições, entre outros) e dispõe de um serviço educativo, auditório, centro de reuniões, centro de documentação, loja, cafetaria e restaurante.

SÍTIO OFICIAL http://www.foriente.pt

Património Religioso e Espaços Sagrados no Porto

Criado pelo ICOMOS, a 18 de Abril de 1982 e aprovado pela UNESCO, o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios constitui um momento anual de celebração da diversidade patrimonial, em torno da salvaguarda e da valorização do património de todo o mundo.
Neste ano de 2008 o tema elegido pelo ICOMOS foi o "Património Religioso e Espaços Sagrados", com o objectivo de contribuir para o reconhecimento, protecção e valorização dos edifícios e obras de arte religiosas, bem como de todos os espaços investidos de valor sagrado pelas respectivas comunidades humanas.
A Diocese do Porto, através do Departamento dos Bens Culturais (SDL), em colaboração com a Direcção Regional da Cultura do Norte (M/C), o Cabido Portucalense e o Seminário Maior do Porto, no intuito de aproximar os cidadãos do património religioso e dos espaços sagrados e na perspectiva de «encontrar e cruzar pontos de referência no conjunto monumental religioso português, no contexto de uma “Europa das Catedrais”, enquanto fenómeno identitário estruturante», propôs a acrópole sagrada do morro da Sé (ou da Pena ventosa) como espaço de referência paradigmático e simbólico do Porto e da diocese.
Este espaço estará aberto ao público, de forma organizada, à realização das finalidades em vista, a saber, «adaptadas a diferentes públicos e a várias faixas etárias, onde se realcem os elos de conexão entre o património religioso, os espaços sagrados e a comunidade».
Programa
A Acrópole Sagrada
10h30 – Abertura / Sé Catedral
11h – Visita guiada / Igreja de S. Lourenço e Museu de Arte Sacra e Arqueologia do Seminário Maior do Porto*
12h – Quinze minutos: Palavra, Silêncio e Música / Sé Catedral
12h15 – Visita guiada / Sé Catedral, Claustro gótico e Museu*
16h30 – Visita guiada / Igreja de S. Lourenço e Museu de Arte Sacra e Arqueologia do Seminário Maior do Porto*
17h30 – Quinze minutos: música de Órgão / Igreja de S. Lourenço
18h – Visita guiada / Sé Catedral, Claustro gótico e Museu*
19h – Quinze minutos: música de Órgão / Sé Catedral
19h – Encerramento / Sé Catedral: Trinta minutos de Polifonia Portuguesa: Coro da Sé Catedral do Porto.
Um olhar sobre os espaços sagrados – das 10h30 às 17 horas
☼ Ateliês ludico-pedagógicos, de expressão artística, inspirados no património religioso, proporcionados particularmente às crianças e jovens, na redescoberta do “genius loci”, da alma e da linguagem, dos simbolismos e da experiência espiritual e sensitiva. → Terreiro de D. Afonso Henriques.
☼ Schiu!: Instalação a partir de "O Livro das Igrejas Abandonadas" de Tonino Guerra / Grupo de Teatro Visões Úteis. → Igreja de S. Lourenço.
* Por marcação até 16 de Abril para: 22 606 27 16 / geral@bcdp.org

Curso de figurinos



O CEARTE irá realizar um Workshop, em Coimbra, com o estilista Filipe Faísca (www.filipefaisca.com )na área das ARTES CÉNICAS – Criação de Figurinos, a iniciar no próximo dia 19 de Abril.


Funcionará aos Sábados e Domingos e, prolongar-se-á por 3 fins-de-semana, incluindo o dia 25 de Abril (ver informações detalhadas no folheto em anexo).


Esta formação, resulta duma parceria com a companhia Trigo Limpo teatro ACERT (Tondela)
www.acert.pt/trigolimpo/ uma vez que, durante o curso, serão criados os Figurinos a utilizar pela Companhia de Teatro, num espectáculo que será apresentado em Julho de 2008.

quarta-feira, 9 de abril de 2008

Exposições imaginárias no Louvre

O site do Louvre trouxe uma novidade fresquinha ao mercado dos sites de museus, oferecendo exposições em 3D, intituladas "Exposições Imaginárias".
Uma das salas do Louvre foi restaurada à época de 1913. Reúne a colecção herdade por Louis la Caze. O interesse desta exposição reside no facto de todas as peças expostas estarem espalhadas ao longo do museu.

As tecnologias 3D permitem demonstrar uma antiga dinâmica do estado do museu, oferecendo uma melhor interactividade em relação às imagens. Algumas peças podem mesmo ser exploradas, clicando em cima.



Estas visualizações em 3D estão acessíveis no site do museu. Para visualizar correctamente estas exposições imaginárias é necessário fazer download do 3D Life Player.
As mais valias desta tecnologia é o facto de poder atrair, na minha opinião, um grupo muito específico de pessoas, nomeadamente, os apixonados dos videojogos. E já agora porque não ver um museu como se jogasse a um videojogo?

segunda-feira, 7 de abril de 2008

Formação para profissionais de museus

A Mapa das Ideias tem uma grande experiência em serviços educativos e em projectos com os públicos, no âmbito da cultura e do património. Desde 2003, tem desenvolvido pontualmente acções de formação especializada, direccionadas para os profissionais dos Museus e da Cultura.

Este ano, e em parceria com o Centro Internacional de Formação de Públicos, a Mapa das Ideias concebeu dois cursos de formação.
Mais uma vez, aproveito esta oportunidade para agradecer à empresa Mapa das Ideias e em especial ao Dr. Miguel Robin de Andrade pelo seu amável contacto.

Mediadores culturais: técnicos de serviços educativos nos sectores da Cultura, Património, Ciência e Arte é um curso, de longa duração, dedicado à formação de “Mediadores Culturais”, oferecendo uma base formativa na área da educação e mediação cultural.

Ver com todos os sentidos – Comunicar e trabalhar com deficientes visuais em Museus e Instituições Culturais é o primeiro de uma série dirigida a públicos com necessidades especiais nos museus e no património. Este é dedicado às pessoas com deficiências visuais e o seguinte, previsto para Novembro, sobre deficientes auditivos. Os formadores convidados acumulam uma dupla experiência: trabalho com públicos com necessidades especiais em contexto museológico ou artístico. A Mapa das Ideias pretende garantir o acesso a uma experiência total para os formandos, permitindo criar projectos que explorem a mundivisão e as expectativas destes públicos, muitas vezes ignorados.


Para mais informações, contactar:
Maria João Nunes -
mjoao.nunes@mapadasideias.pt
Cláudia Abreu - claudia.abreu@mapadasideias.pt

sábado, 29 de março de 2008

Workshops no Museu da Chapelaria

O Museu da Chapelaria em S. João da Madeira vai organizar um conjunto de workshops no âmbito do tema da moda e do bem-estar.

Workshop de Maquilhagem
Que cuidados devemos ter com o rosto e a pele? Qual a maquilhagem mais adequada para o dia ou para a noite?Estas são apenas algumas das questões que serão respondidas no workshop teórico-prático de maquilhagem.Deste modo, na primeira fase os participantes irão adquirir todos os conhecimentos necessários para uma correcta aplicação da maquilhagem, e na segunda fase, de vertente prática, os formandos poderão experimentar em si próprios os conhecimentos adquiridos.

Público-alvo: maiores de 15 anos
Número limite de inscrições: 10 inscrições
Data: 29 de Março e 05 de Abril
Horário: 10:00 horas às 13:00 horas
Valor da inscrição: 45 euros

Workshop de Risoterapia
Precisa de rir e de descontrair? Nos workshops de RISOterapia as pessoas são convidadas a celebrar o divertimento e o riso. Cria-se uma atmosfera propícia ao abandono da sisudez e do controlo intelectual, privilegiando-se a abertura ao mundo do humor, da brincadeira, do absurdo, da pantomina, da improvisação colectiva... Nestes workshops experimenta-se um conjunto agradável de exercícios e actividades muito simples, facilitadoras do Riso e do Humor e que são auxiliadas por Danças Criativas, Técnicas Respiratórias e de Relaxamento, Improvisação, Danças de Celebração, Danças Lúdicas, Experimentação Teatral e Danças Cómicas…

Público-alvo: maiores de 15 anos
Data: 12 de Abril
Horário: 15:00 horas às 17:30 horas
Valor da inscrição: 15 euros

Workshop de Ludoterapia e Danças Cómicas
Há quanto tempo não brinca? A TERAPIA DA BRINCADEIRA é uma terapia activa, não-directiva, dirigida a Pessoas de TODAS as Idades. A Ludoterapia baseia-se na improvisação e no movimento intuitivo e utiliza Danças Espontâneas e Cómicas, verbalizações, experiências corporais, jogos Lúdicos, brincadeiras criativas, diversão, pantomima, teatralização, expressão multimodal de talentos, emoções, sentimentos...

Público-alvo: Famílias e público em geral
Data: 10 de Maio
Horário: 15:00 horas às 16:30 horas
Valor da inscrição: - Adultos: 15 euros- Menores de 14 anos acompanhados por um adulto participante – gratuito

sábado, 22 de março de 2008

O que é o feed?


Aqui está uma boa explicação do que são os feeds. Não volto a explicar!!!

O conteúdo do vídeo mostra um tutorial explicando o que quer dizer Feed. E da algumas dicas para economizar tempo.



quarta-feira, 19 de março de 2008

terça-feira, 18 de março de 2008

A Câmara Municipal de Braga cria cartão de promoção turística

A Câmara Municipal de Braga vai criar um cartão destinado à promoção turística dos espaços culturais da cidade, bem como das entidades ligadas ao sector. O cartão vai denominar-se Braga Card.
Com este cartão pretendem incentivar a visita aos varios museus e espaços musealizados da cidade, a utilizar o autocarro turístico.
O cartão vai custar cerca de cinco euros e vai estar à venda no Posto de Turismo.

Férias da Páscoa no Museu da Chapelaria

1º Dia - "Ovos Coelhos e outras traquinices"

terça-feira, 11 de março de 2008

Poesia à mesa em S. João da Madeira...


Poesia à Mesa durante o mês de Março

Pinturas em tela sobre Miguel Torga vão estar patentes na galeria dos Paços da Cultura de S. João da Madeira. Graça Morais é um dos nomes representados nesta exposição que abre a 12 de Março, quarta-feira, às 21 horas, no âmbito da “Poesia à Mesa”.

Até ao final do mês, um programa diversificado leva as palavras dos poetas ao encontro do público, em suportes como bases de copos, aventais, toalhetes, saquetas de açúcar... Este ano, os autores homenageados – cujos rostos e versos aparecem no material promocional – são Adélia Prado, Jorge de Sena, José Luís Peixoto, Maria do Rosário Pedreira, Natália Correia e Vitorino Nemésio.

A Biblioteca vai à Praça

A partir de 12 de Março, há muitas iniciativas para promover a poesia em S. João da Madeira. Na Praça Luís Ribeiro decorre, até dia 18, uma feira do livro e do disco, com muita animação. É dessa forma que “A Biblioteca vai à Praça”.

Na mesma zona, a “Poesia na Corda” disponibiliza um “estendal” com folhas de papel em branco para os transeuntes aí escreverem. Haverá ainda distribuição de livros pelos cafés, “Ementas Poéticas” nos restaurantes e “Chá das Cinco” nas confeitarias.

Francisco Mendes e Guida Maria

A 14 de Março, os bares da zona pedonal de S. João da Madeira serão locais de paragem da Peregrinação Poética que se inicia às 22 horas. No dia seguinte, às 10h30, há a apresentação e declamação de poemas, nos Paços da Cultura, tendo como protagonistas as crianças e os idosos participantes em workshops de poesia.

A seguir, pelas 11h45, realiza-se a Procissão Poética, pelas ruas e zona pedonal. Às 21h30, as atenções voltam-se de novo para os Paços da Cultura, para um encontro com o músico e apresentador de TV (Top+) Francisco Mendes e a actriz Guida Maria.

À Mesa com Poesia

Nesses dois dias, 14 e 15 de Março, nos restaurantes da zona pedonal vai ser possível estar “À Mesa com Poesia”, através da declamação de textos dos seis autores homenageados na campanha. Com início nesse fim-de-semana, realiza-se um concurso de montras do comércio local, sob a designação “Páscoa com Poesia”.

A 21 de Março, Dia Mundial da Poesia, a Praça Luís Ribeiro será, durante a tarde, o “ateliê” do workshop “Roupa com Poesia”. A encerrar o programa, a 27 de Março, às 22 horas, há um Filo-Café, no Bar “Art7<”, uma tertúlia com poesia, pintura e fotografia.

Fonte: Câmara Municipal de S. João da Madeira